Seleccionar página


Confesso que desde sempre me agradou as competições por estafetas (relevos), talvez pelo facto de ter sido Campeão Inatel de estafetas em 2009 pelo Millenniumbcp, mas acima de tudo porque em nós puxa pelo nossa capacidade de camaradagem… já não vemos somente a nossa “corrida”, mas igualmente a corrida de todos os companheiros de estafeta…
O dia “acordo” chorão…e que bela maneira de acordar a um domingo…6 da manhã (portuguesas) em Puenteareas… a caminho de Ourense, onde já aguardavam os companheiros Pancho e Ramiro…que apesar do meu atraso nem “resmungaram”…certamente previlégio de treinador…(ehehe…).
O CARMA estaria mais uma vez representado ao mais alto nivel por 2 equipas:
Equipa I
Igor-Ramiro-Fran (presi)
Equipa II
Pancho-Canido-Toni
além de um “marmelo” isolado noutra equipa… Ricardo Otero!
A chuva que copiosamente caía…levou-nos a aproveitar a gentileza de uma senhora onde nos mudamos e preparamos para a “tareia” dos elementos…vento e essencialmente chuva acompanhou-nos no aquecimento até à praça central de Ourense.
Confesso que sempre gostei de Ourense…uma cidade lindissima com uma zona histórica bela e apaixonante…porém nesse dia após a partida dada por um canhão…que nem deu tempo de disparar…Polvora Molhada???… deixou-me mais preocupado em evitar uma queda nas zonas estreitas e pedregosas, do que em aproveitar a visita apressada à história gravada no casario de Ourense.
Cedo percebi que esta corrida seria diferente, diferente não só no percurso…maioritariamente ao longo do NOSSO rio Minho, que une os nossos 2 países, mas também pelo percurso essencialmente em caminhos de terra…sem duvida uma maratona diferente…
Cabia a mim o primeiro percurso que foi bem acompanhado pelo companheiro Pancho…seguido à distância pelo Ramiro…a quem deveria dar o meu “testemunho” (chip)… de lembrar que ambos (Ramiro e Pancho) deveriam realizar uma “tirada” larga de treino para NY.
A furia dos elementos transformou o percurso num lençol de àgua e lama, que nos levou a certa altura a pensar estarmos num duatlo…dada a quantidade de àgua no percurso…se no inicio se evitaram os charcos…cedo deixou-se essa preocupação… pelo que os percursos mais pareciam unir o rio Minho às terras adjacentes, transformando a corrida num autêntico desafio de natação!!!!
No final uma festa deu lugar à camaradagem “vencendo” no nosso campeonato CARMA a equipa II com o tempo de 3h11 contra os 3h23 da equipa I, pelo que para o ano temos desforra….
Bem tudo foi esquecido de volta ao bar do “Macendo” onde juntamente com uns isostars, e em bom convivio, apreciei um bom café com bagaço…terminando uma “chovosa” manhã de Outubro…e o meu primeiro “duatlo” em Ourense…