Seleccionar página





Correr em casa na companhia da familia do CARMA é uma sensação unica… cada pedra, cada local onde tantas e tantas vezes treinei, corri… NO FUNDO A MINHA CASA!!! PORTO!!

E nada mais bonito do que este belo poema, que tão bem define a cidade Património da Humanidade… “Muy nobre e sempre leal Invicta Cidade do Porto”!!!
Porto Sentido
Quem vem e atravessa o rio
Junto à serra do Pilar
vê um velho casario
que se estende até ao mar

Quem te vê ao vir da ponte
És cascata, são-joanina
erigida sobre um monte
no meio da neblina.

Por ruelas e calçadas
da Ribeira até à Foz
por pedras sujas e gastas
e lampiões tristes e sós.

E esse teu ar grave e sério
num rosto de cantaria
que nos oculta o mistério
dessa luz bela e sombria

Ver-te assim abandonado
nesse timbre pardacento
nesse teu jeito fechado
de quem moi um sentimento

E é sempre a primeira vez
em cada regresso a casa
rever-te nessa altivez
de milhafre ferido na asa


Letra: Carlos Tê


http://www.youtube.com/watch?v=ch5DVcZqsu4